Manter o corpo em movimento é uma das recomendações de ouro da boa saúde, independentemente da idade. Exercícios físicos para idosos são muito bem-vindos e colaboram para uma vida mais longa, plena e saudável.

O grande segredo dos exercícios físicos para idosos é encontrar o ritmo correto e potencializar os seus benefícios. O primeiro ponto a se destacar é que as atividades físicas são democráticas e podem ser importantes para pessoas com os mais diversos perfis. E um ponto fundamental: nunca é tarde para começar.

Quais são os benefícios dos exercícios físicos para idosos

A prática de atividades físicas na terceira idade é muito favorável sob diferentes aspectos. Veja quais são alguns dos principais benefícios:

  • Aumento da capacidade cardiorrespiratória;
  • Ganho de massa muscular;
  • Aumento de massa óssea (minimizando os riscos de osteoporose);
  • Redução da gordura corporal;
  • Fortalecimento da musculatura;
  • Redução do risco de doenças cardiovasculares, diabetes, colesterol, glicemia;
  • Melhora do sono e ganho de disposição.

Os limites de cada idoso

Cada pessoa tem suas próprias características e individualidades. Isso vale também para a condição física e atlética, inclusive para quem tem uma idade mais avançada.

A intensidade dos exercícios físicos para idosos é um aspecto fundamental. Naturalmente, não se recomenda que uma pessoa de idade que é sedentária passe a correr 10 km de forma ininterrupta de um dia para o outro.

Moderar a intensidade da atividade física é algo que pode ser feito a partir de uma consulta médica e uma avaliação com um educador físico. Por exemplo, uma pessoa com uma limitação em um braço talvez não deva levantar peso com esse membro, pois envolveria um risco.

Seja para exercícios aeróbicos ou funcionais, entender os limites do corpo é essencial. Mas é recomendável que o idoso não se acomode no sedentarismo e procure se manter em movimento, ainda que de forma moderada.

(Leia também: Prevenção do Alzheimer: como reduzir as chances de desenvolver a doença)

A importância dos exercícios físicos prazerosos

Uma pessoa pode gostar de dançar, outra é mais fã da natação. Na criação de uma rotina de exercícios, levar em consideração a preferência pessoal do idoso é muito importante.

Quando prazer e saúde andam lado a lado, os benefícios se multiplicam, já que o corpo e a mente são favorecidos. A dica é buscar uma atividade que seja prazerosa e que traga uma motivação ao dia a dia do idoso.

A intensidade e a frequência dos exercícios devem variar de acordo com a disponibilidade da pessoa e, principalmente, com os limites do corpo. A dica, mais uma vez, é ter o acompanhamento de um profissional para montar um programa de atividades físicas.

Saúde em todas as fases da vida!

Valorizar uma vida mais saudável em todas as fases é muito importante para qualquer pessoa. Os exercícios físicos para idosos são uma grande contribuição para que as pessoas de terceira idade tenham mais qualidade de vida. Aqui mesmo em nosso blog, temos dezenas de conteúdos valiosos para pessoas de diferentes idades terem uma vida mais plena. Vale conferir!

 

Fonte: Ministério da Saúde